segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Epitáfio


Por: José Ricardo da Silva

Palavras escritas palavras ditas, palavras que passaram despercebidas...
Queria ter dito tudo, todas as palavras que me vieram à cabeça, mas deixei de lado.
As horas que passei sentado pensando, esperando, comendo, deveria ter feito aquilo que queria fazer.
Agora faço toda filosofia daquilo que falei, fiz desfiz, refiz, deixei, esqueci, lembrei e deixei de novo.
Um aperto uma dor, um vazio, no meio da escuridão um arrepio.
Não sei mais os caminhos do mundo, sinto falta de tudo que perdi de tudo aquilo que não vi... Sinto falta de mim mesmo, mas meu coração não quer deixar meu corpo descansar.
Fiz um diário, um livro do destino um livro dos nossos dias, o caminho das flores, catalogado com os nossos erros... Todos se afastam enquanto o mundo todo está errado.
Ainda é cedo, mas o fim do começo é o meio, e o final já esta sendo desenhado...
Agora vejo como a vida passou rápido, rumos foram construídos diferentemente por cada pessoa, histórias diferentes serão contadas, percebi que as manhãs já não são as mesmas, ao abrir os olhos o sol já não é tão brilhante.
Ao impulso do suspiro e do som forte do coração a bater, me vem um leve desespero, me vem à dor de um vazio, me vem à pergunta: O que esta acontecendo?
Ao tentar achar a resposta, percebi o quanto sou egoísta, por querer as pessoas ao meu lado, sem me importar que um dia eu também não esteja ao lado delas.


14 comentários:

  1. cara essa percepção de q as manhas nao sao mais a mesmo, eu nao entendo saka?!

    Tipo, sei q é tu usou como força de expressao, mas todas as manhas sao diferentes. Cada dia é diferente um do outro, mesmo q a gente faça as mesmas coisas. Esse lance de rotina é de modo geral, pq no final das contas, cada dia é diferente de uma ou outra maneira

    E concordo contigo, muitas vezes somos egoistas "por querer as pessoas ao meu lado, sem me importar que um dia eu também não esteja ao lado delas"

    Perfeito! fechou com chave de ouro esse belo texto e reflexão!

    Abss

    http://www.estilodistinto.com/

    ResponderExcluir
  2. cara, nao precisava mudar. Isso q tu fez é poesia. É poetico. Ficou show! O que eu quis dizer, é q as pessoas as vezes vem com essas, traz isso pra vida de tal forma, q eu nao entendo.

    Mas pro teu texto ficou ótimo, mostrou uma veia mais poética. Um lado mais interpretativo! Massa mesmo!

    Acho q eu me fiz entender errado hehehe Na real quis passar uma coisa, mas usei as palavras no comentario acima q parecia q tava criticando, qndo eu tava elogiando o teu texto hahahaha Porem criticando as pessoas q levam akilo ao pé da letra!

    abração!

    ResponderExcluir
  3. Sua reflexão foi ótima Zé. Concordo com o Jim ai em cima, os dias nunca serão iguais, um minuto que passou já era, foi ...
    E a vida não tem sentido mesmo, por mais que procuremos, o importante é acompanhar o seu movimento, saber que hora estamos, hora não estamos. Crescer com isso. Fazer das perdas e ganhos melhorias pra nossa própria vida. O sol está brilhante sim, seus, nossos olhos, que o vê de outra perspectiva.

    Beijo grande pra você.

    ResponderExcluir
  4. É incrível o dom que vc tem de me definir, me decifrar nos teus textos (sem nem sonhar que esta fazendo isso rsrsrs)
    Quanto terminei de ti ler aqui, já tava com o coração apertadinho apertadinho com lagrimas nos olhos... não tem como não terminar de ler esse post sem olhar pra trás “sentindo falta de tudo que perdi de tudo aquilo que não vi... Sentindo falta de mim”

    Zé porq a vida é assim??? porq porq porq... =/

    booom e pra mais tarde nao olhar pra trass e dizer "Queria ter dito tudo, todas as palavras que me vieram à cabeça, mas deixei de lado" ti digo logo EU ADOROOO VOOC \o/

    ResponderExcluir
  5. Fala Zé,
    Na minha lápide podem escrever o seguinte: "A partir de agora não contem mais comigo"
    Não tenho idéia porque escrevi isso, mas é o que acabei de pensar lendo o texto.
    Abraço

    ResponderExcluir
  6. Eu tento caminhar com as próprias pernas a fim de não depender do caminho que irei seguir.
    E duas coisas que não podem ser mudadas, é o Ontem e o Amanhã!
    Então, vamos viver o presente.

    Adorei o teu texto , Zé.
    Abraços e Ótima segunda!

    ResponderExcluir
  7. adorei essa parte , as vezes dou assim tbm =/


    "Ao tentar achar a resposta, percebi o quanto sou egoísta, por querer as pessoas ao meu lado, sem me importar que um dia eu também não esteja ao lado delas."

    ResponderExcluir
  8. ADOREI ZÉ
    ÓTIMAS REFLEXÕES
    ABRAÇO

    ResponderExcluir
  9. Eu ainda não to acreditando que foi vc que escreveu isso.
    Cara, achei que fosse um famoso.
    hahaha.. é sério.

    Muito boa a reflexão. Os momentos passam e a gente sempre quer ter feito algo e deixamos pra lá.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Zé, tem um presentinho pra você no meu blog passa lá ...

    beijos

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito. Como sempre, vc trouxe um texto sensível. É, de nada adianta ter vontade. É preciso atitude, e se não tivermos no momento exato, perdemos a oportunidade. E não adianta se lamentar depois.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  12. Bom dia!
    Desculpe, mas essa mensagem é coletiva para todos os parceiros do meu blog, e estou passando aqui para pedir que dê uma olhada no link:
    http://www.tocadowilliam.com/p/parceiros_25.html
    Lá tem a explicação sobre problemas ocorridos com os banners.
    Muito obrigado, agradeço a atenção e desculpe não comentar nada agora. Preciso registrar esse problema com todos os parceiros.
    Abraço e ótimo final de semana.
    William
    www.tocadowilliam.com

    ResponderExcluir
  13. Zé, Indiquei teu blog ao Prêmio Blog de Ouro de 2011.
    Segue o Link => http://migre.me/3X65y

    Abraços e Ótimo Sábado!

    ResponderExcluir