quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Antes escrevia por escrever, agora escrevo por prazer!

Por: José Ricardo da silva












Antes eu escrevia apenas por escrever,
por puro lazer, gora escrevo por prazer, por ter o que
dizer, por ter o que te dizer.
Antes eu escrevia sem saber, só para me entender,
agora escrevo para me desentender e te fazer me entender.
Entendeu?

Antes eu fazia de poucas palavras grandes idéias,
agora faço grandes idéias virarem memórias.
Antes eu dizia que amor não trás vitórias, agora eu te
digo o amor é nossa glória.
Antes eu dizia que a vida é uma agonia, agora eu digo que
a vida com você é pura euforia.

Antes eu não escrevia, eu não vivia, a vida era vazia...
Agora me descrevo em forma de palavras, assim como já dizia...
Antes eu escrevia por escrever, agora escrevo por prazer,
escrevo por você, escrevo para poder te dizer, que tudo que escrevi
foi por você!

"Não faço só de poucas palavras grandes idéias, mas faço também de grandes idéias, longas linhas de prazer."


12 comentários:

  1. amei a frase do final! Parabéns, tá muito legal e muito bem escrito!
    Acho muito bonito meninos que gostam mesmo de escrever e não tem vergonha de faalar!

    ResponderExcluir
  2. Há maior prazer que conseguir expressar em palavras o que o coração grita, o que a alma pulsa em dizer?
    As palavras tem poder! Nossa inspiração torna isso capaz.
    Os sentimentos que depositamos em cada versinho que paira em limpidas páginas em branco, fazem o que espaço vazio reviver... Os pensamentos se tornam palavras, os sentimentos, as sensações, as vontades, as ânsias, emergem de dentro de nós e ganham vida, e como citou, viram memórias.
    Idéias dentro de nós, são apenas nossas idéias... Quando compartilhadas com um mundo, é um pouquinho de nós em cada pessoa.

    Longas linhas de prazer... E como faz bem escrever!'
    Bela poesia!'
    Tomei liberdade de seguir aqui ao me deparar com as suas palavras.
    parabéns pelo post'
    Meu humilde cantinho espera por sua visita...
    Beijos carinhos e estarei sempre aqui e quando possível, deixarei minhas breves linhas do mais profundo prazer de escrever :)

    ResponderExcluir
  3. gostei aí, cara, tem que ser assim mesmo, escrever por escrever é só um amontoado coisas superficiais.

    ResponderExcluir
  4. Muito bom cara. Escrever sem ter uma mensagem para passar, ou compartilhar, não tem sentido. transformar em palavras tudo que se sente é um dom.


    To seguindo, abraço

    ResponderExcluir
  5. Realmente, teu texto és concreto e profundo.
    Palavras se encaixaram com palavras perfeitamente, como se fosse uma dança, as palavras ensaiaram perfeitamente seus passos.
    Parabens, escritas como a sua me fascinam

    visita meu blog? http://gyzellecherry.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Nossa belo texto , nada mais adqueado pra um blogueiro que falar sobre a escrita rs abraços pelo post :D

    ResponderExcluir
  7. ah primeiramente tenho que dizer que AMEI o fundo do blog ! haha achei um máximo.
    enfim, vamos ao que interessa.
    me identifiquei muito com o texto.
    e foi exatamente isso que aconteceu comigo.
    hoje sou completamente apaixonada por esse mundo, e por ter muita dificuldade em me expor... escrever é a melhor forma que encontrei.
    mas na verdade, no fundo, a gente sempre escreve pra nós mesmos.
    adorei tudo aqui.
    estou seguindo *-*

    http://yasmiiin182.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Adorei o fundo do blogue, e me indentifiquei bastante com o texto HUAHUA, antes a preguiça ocupava todo meu tempo, e agora o prazer de escrever e ler tomou conta. Estou seguindo, parabéns pelo blog, muito sucesso.

    Ah se quiser visita: http://corrocontraotempo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Paixão ou amor sempre inspiram. Inspiram a viver bem como a escrever. Que esses ventos bons soprem por bom tempo aí na sua vida.

    ResponderExcluir
  10. Show! Ótimo texto. Parece que se inspirou em minha vida. Parabéns! Seguindo blog *-*

    ResponderExcluir
  11. Tão bom escrever... e muito bom ler, também.

    Valeu!

    F.

    ResponderExcluir
  12. Eu te digo que eu era assim tmb, agora escrever pra mim é uma doença que felizmente não tem cura. tudo que eu penso ou o que vivo de alguma forma fica no papel, assim é um forma de me livrar das coisas ruins :S e eternizar as boooas xD


    adorei a tua maneira de escrever *-*

    ResponderExcluir